inovação em pequenas empresas inovação em pequenas empresas

Qual o momento certo para investir em inovação em pequenas empresas

7 minutos para ler

Processos de produção mais enxutos que tornem o trabalho mais eficiente: esse é o resultado desejado por muitas organizações. Para isso, diversas delas estão buscando se envolver cada vez mais com a transformação digital. Afinal de contas, a tecnologia já é uma necessidade estabelecida para micro e pequenas empresas que querem se manter competitivas no mercado.

No universo das pequenas empresas, a inovação está em crescimento. Os negócios têm percebido que a tecnologia é uma aliada e tanto para promover a redução de custos e a otimização do fluxo de trabalho. E você por acaso sabia que as principais tendências utilizadas pelas PMEs hoje são as soluções mobile, os serviços na nuvem, a assinatura digital e os chatbots, assistentes de atendimento virtual?

Pensando justamente sobre esse cenário, resolvemos abordar neste post as vantagens de investir na inovação em pequenas empresas no momento certo. Acompanhe!

Qual o momento ideal para investir em inovação?

Em um mundo cada vez mais globalizado, é essencial aderir logo às mudanças emergentes. Entenda desde já: o modo como as PMEs se integram à evolução tecnológica é decisivo para sua expansão e sobrevivência no mercado. Com base na relevância dessa adaptação, portanto, o gestor de sucesso deve se dispor a elevar os negócios a um novo horizonte.

O momento ideal para dar esse passo é quando existe capacidade de investimento e alinhamento de toda a equipe em relação à necessidade de mudança para a expansão. Esse contexto facilita a adaptação da cultura da empresa no que diz respeito à adequação e ao uso das inovações.

Quais as maiores vantagens desse investimento?

Mais produtividade e foco na gestão

Os fluxos de trabalho digitais aumentam a produtividade e reduzem o tempo de processamento. Em papel, dados de clientes ocupam muito espaço, sem falar que a pesquisa por informações específicas nos documentos é muito cansativa, por exemplo. Sistemas modernos de gerenciamento de documentos centralizam as informações em uma única plataforma de arquivamento digital, dispensando espaço físico de arquivamento e agilizando buscas. Com tudo isso, os custos diminuem.

Documentos importantes também podem ser facilmente salvos, alterados ou encaminhados. Como resultado, os membros da equipe podem obter muito mais flexibilidade nas demandas da vida cotidiana. A eficiência dos colaboradores também é aprimorada por meio de soluções integradas, como videoconferência e acesso por diversos dispositivos.

Graças a informações recuperáveis, cada membro da equipe pode contribuir efetivamente para o sucesso da empresa, focando na gestão independentemente do tempo ou do espaço.

Outro exemplo significativo que podemos citar é o processamento eletrônico de faturas, que permite que todo o processo (desde a criação até o pagamento da fatura) seja concluído em apenas alguns dias. Ajuda bastante, não concorda?

Melhorias nos processos

A melhoria dos processos é fundamental para o sucesso da inovação em pequenas empresas — especialmente para clientes corporativos. Acredite: para muitos negócios, documentos em papel já se tornaram critério de exclusão na seleção de possíveis parceiros. Portanto, aqueles que querem permanecer competitivos no longo prazo trabalham digitalmente, beneficiando-se da possibilidade de uma cooperação confiável e rápida.

Para o gerenciamento de clientes, as pequenas empresas podem se servir de soluções digitais simples, para as quais nenhum conhecimento abrangente de TI é necessário. Um sistema simplificado de Customer Relationship Management (CRM), por exemplo, fornece uma visão geral de onde o cliente esteve e quais são suas preferências pessoais. Essas e outras informações geralmente são de grande utilidade para o serviço individual.

Com base nos dados do consumidor também é possível criar grupos de clientes que podem ser alcançados com uma abordagem direcionada. Além disso, por meio de aplicativos de negócios modernos, softwares de Enterprise Resource Planning (ERP), uso da nuvem, comunicações móveis e ferramentas de colaboração, as PMEs conseguem acelerar todos os processos dentro da empresa.

Maior segurança para os dados

À medida que os ambientes de sistemas de informação (como serviços em nuvem e dispositivos móveis) vão se tornando mais complexos, os riscos relacionados à segurança também evoluem. Já ouviu falar de ataques cibernéticos avançados e fraudes internas, por exemplo? Aí entra a adoção de inovação em pequenas empresas, atualiza e alinha estrategicamente o negócio com as melhores práticas de proteção.

É preciso ter sempre em mente que os dados são ativos muito importantes para a continuidade dos negócios. Eles precisam, portanto, ser protegidos com o mais alto padrão de qualidade, tendo como principais pilares a confiabilidade, a confidencialidade e a disponibilidade. A inovação em pequenas empresas proporciona garantias de que suas necessidades serão atendidas.

Isso agrega valor à marca perante os clientes, que vão se sentir seguros ao fazerem transações com a empresa, trazendo relações sólidas. A consciência da aquisição de inovação segura é essencial para a maturidade no desenvolvimento da companhia, sempre atrelado a normas de segurança da informação e cibernética.

Melhor destaque no mercado

Devido aos ciclos de inovação tecnológica, o mercado tende a estar cada vez mais competitivo. E é claro que se destacar em meio a grandes concorrentes não é uma tarefa nada fácil. Por isso, é preciso avaliar qual a solução mais viável para colocar à frente. Podemos destacar parcerias com fornecedores de serviços de TI que proporcionem infraestrutura e padrões de última geração, por exemplo.

A inovação em pequenas empresas por meio de dados digitais ajuda os gestores a analisarem com maior rapidez e precisão tanto os pontos fortes como os pontos fracos de seu próprio empreendimento a fim de otimizá-lo. O uso de dados coletados também orienta em relação a tomadas de decisão para o futuro. Os fluxos de informações obtidos ajudam a identificar tendências e a entender melhor os clientes.

Esse conhecimento é valioso para o desenvolvimento de produtos, para a definição de estratégias de marketing e até para o gerenciamento do relacionamento com os clientes. O resultado surge em forma de vendas crescentes mediante produtos inovadores e direcionamento orientado para o consumidor. Assim, é possível alavancar sua projeção no mercado.

Não se esqueça: contar com boas parcerias é um diferencial importante. Nesse contexto devemos destacar um Portal de assinaturas, ferramenta que oferece diversas vantagens para a elaboração de propostas comerciais, assinaturas de contratos completamente digitais e com validade jurídica. Também vale ressaltar que todos os documentos são facilmente armazenados e organizados digitalmente na plataforma.

Com esse recurso, a inovação em pequenas empresas se torna muito mais prática e simples, uma vez que é possível encontrar todas as ferramentas de que você precisa em um único lugar. Coloque em perspectiva as tendências que atendem a suas demandas e comece logo a mudança!

Agora que você sabe qual é o momento certo para adotar a inovação em pequenas empresas, aproveite para entender os benefícios do uso da tecnologia no setor jurídico!

Qual o momento certo para investir em inovação em pequenas empresas
Avalie este post
Posts relacionados

Deixe uma resposta